A eletrização é um processo através do qual um corpo adquire ou perde cargas elétricas.

Eletrização

Corpos eletrizados
São aqueles que possuem excesso ou falta de elétrons, de forma que:
  • Corpo eletrizado positivamente: número de elétrons \(\lt\) número de prótons
  • Corpo eletrizado negativamente: número de elétrons \(\gt\) número de prótons
  • Corpo neutro: número de elétrons \(=\) número de prótons.
Condutores e isolantes
Os condutores são os materiais que têm facilidade para conduzir a corrente elétrica. Os isolantes são materiais que oferecem extrema resistência à passagem da corrente elétrica.

Tipos de Eletrização

Eletrização por atrito
Sempre que atritamos entre si dois corpos inicialmente neutros, eles se eletrizam com cargas de sinais opostos. O material que tiver seus elétrons mais fracamente ligados irá ceder elétrons, ficando com uma carga líquida positiva, o que recebe ficará com uma carga líquida negativa.
Esquema da eletrização por atrito. Primeiramente temos dois objetos neutros (vidro e lã), ou seja, com números iguais de cargas negativas e positivas. O vidro cede cargas negativas à lã quando esfregamos os dois. Como resultado temos dois corpos carregados: o vidro com carga positiva e a lã com carga negativa.

Série triboelétrica
(+) \( \leftarrow \) pele de coelho \ vidro \ mica \ lã \ pele de gato \ seda \ algodão \ madeira \ âmbar \ ebonite \ cobre \ enxofre \ celuloide \( \rightarrow \) (-)
Quando atritamos dois elementos da série acima, os elementos mais a esquerda cedem elétrons e os elementos a direita recebem elétrons.
Eletrização por contato
Sempre que um condutor eletrizado entra em contato com outro condutor neutro, este se eletriza com carga de mesmo sinal do já eletrizado. Quando os dois condutores apresentam as mesmas dimensões e o mesmo formato, ambos ficam com a mesma quantidade de carga elétrica, após o contato.
Esquema da eletrização por contato entre dois condutores. a) Inicialmente temos um corpo com excesso de carga e um outro corpo neutro. b) Quando os corpos se tocam, parte das cargas em excesso passam para o corpo inicialmente neutro. c) Como resultado final temos dois corpos carregados com a mesma carga.

Eletrização por indução
Sempre que um condutor for eletrizado pelo processo de indução a carga deste condutor terá sinal contrário a do indutor.
Esquema da eletrização por indução em condutores. a) Inicialmente temos um corpo com excesso de carga e um outro corpo neutro e polarizado. b) Se ligarmos o corpo polarizado a um reservatório de cargas, como a Terra, cargas negativas serão atraidas pelo polo positivo do corpo polarizado. Pois em sólidos as cargas móveis são só as negativas. c) Como resultado final temos dois corpos carregados com carga opostas.